s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Francisco Martins Silva
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
francmarsilva@bol.com.br
Biografia

Francisco Martins Silva

Francisco Martins Silva (10 dezembro de 1974) São Félix de Balsas - MA - BRASIL. Reside em Uruçuí – PI. Professor, escritor e Poeta. Graduado em Licenciatura Plena em Geografia e pós-graduado em Pedagogia Escolar pela Faculdade de Teologia Hokemah, compõe poemas, contos, crônicas e ensaios e possui obras publicadas em dezenas de coletâneas e antologias por várias editoras.

 

A lua e os amores  noturnos

 

Quando a lua clareou na noite

Trazendo luz para a escuridão,

A natureza noturna ficou comovente

Como uma obra de arte esculpida

Para o mais pleno e caprichoso estado de contemplação.

E estenderam-se horas de silêncio e admiração.

Os sonhos ganharam força noite adentro,

Amores noturnos renasceram dos corações, e, assim,

A pulsarem no peito cheios de poesias carregadas de paixão.

 

 

O mar das noites

 

Mar, extenso líquido

Que em ti se refletem as constelações da noite

E a lua a mergulhar no teu profundo azul

Vem, manifesta-nos  este teu magnífico esplendor noturno

Tu, oh, mar que levantas as ondas com a força do vento

Promoves assim o espetáculo das águas salgadas no espaço e no tempo.

Vem a interagir com os astros do firmamento

A lua, as estrelas num espetáculo natural

Que do Criador é o mais eloquente

E a ti clamo que venhas a nos encantar com tua beleza e harmonia  intensamente.

 

 

Um entardecer de outono

 

É ao cair da tarde de um dia já findando

Que de um modo calmo a noite vem chegando,

E aquelas folhas pairando no ar

E com tom amarelado ao chão tocando.

É o entardecer de outono,

Momento sagrado de paz se aproximando.

Os dons e rumores de poesias se afloram,

Um estado de graça a se instalar nas almas,

Os espíritos a receberem mais luz

E a se espalharem, e, aos seres iluminando,

E, assim, com o pôr-do-sol  a comover

Os olhares curiosos em um fim de tarde a entreter

Vem cumprir mais uma promessa divina.

É a natureza manifesta num entardecer de outono.

 

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s