s
s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Edilane de Sousa Arajo
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

Edilane de Sousa Araújo.

 Brasileira, Casada, Professora: Formada em Letras pela Universidade Federal do Pará. Educadora de Jovens e adultos. “Escrevo com liberdade. Não me prendo às regras e formas. Meu texto flui da alma, do coração, da emoção”.

 

 

Nostalgia

Hoje seria tão bom ter você,

Eu sei, o tempo passou;

Mas eu não consegui lhe esquecer.

Passa o tempo,

Passa a vida

E eu aqui

Ainda tão impregnada de nós

Com essa dor que sufoca,

Rasga o peito

E que não encontra cura ou remédio.

Chega de lamentar,

BASTA

Embora o amor permaneça vivo

Não existem mais armas para lutar;

O combate está vencido,

O sonho acabou.

Então choro,

Feita louca

Entre Soluços e Nostalgia.

E a vida?

A vida passa...

 

Edilane Araújo

 

 

 

 

Reflexão

Por que será, que somente nos momentos;

 De dor ou solidão

O ser humano busca a reflexão.

Será que nos momentos de alegria

A euforia não lhe permita o raciocínio

Ou quem sabe entre uma comemoração e outra

Não haja tempo para se pensar

Nas mazelas da vida.

Somente na dor

Temos a amplitude de tudo

Do ser ou não ser.

Somente na dor

Depois de provar

O mais amargo fel da vida

Podemos constatar:

O céu é o limite.

Edilane Araújo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tsunami

Foi como um terremoto

Um tsunami sobre o Japão

Aquele adeus

Assim inesperado,

Nada desejado.

O meu corpo flagelado

A minha alma atormentada;

Ainda aguardam:

A mão estendida,

O resgate glorioso,

A salvação da vida.

Edilane Araújo

 

 

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s
s