s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Renato Srgio Neves Ledo
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

Cotidiano

Acordou, estarreceu na cama
levantou, caiu ao pé do fogão.
Pensou. Caiu ao pé da pia
lavou, a louça, fria.

Levantou a cabeça, olhou pela janela:
o sol ardia lá fora.
Pensou. Mais uma vez naquele dia,
dirigiu-se ao terreiro:
machadou a lenha.
Voltou:
caiu ao pé do pilão e fez a fubá.
Altivou-se,
pôs o bolo para assar.
Olhou pela porta:
um menino a brincar na rede da varanda.
Pobre casa, inocente filho.

A noite desceu.
Marido chegou.
Agilizou:
carne frita, arroz e mandioca.
Lavou o rosto, pés e partes íntimas.
Pôs-se a deitar.
Filho, ela, marido.
Amou naquela noite.
Num súbito impulso acordou.
Caiu. Ao pé do fogão, ao cabo do machado.
Um dia falou:
miséria de vida.

Pardais

Tem um pardal a voar no céu
no azul do céu, cintilante.
Há vários pardais a voarem no céu
nos céus azuis, cintilantes.
Na cumeeira da minha casa
há um ninho de pardais
Eles voam todos os dias
no céu, nos céus
azuis de suas memórias
cintilantes de suas histórias
e percorridos por seus caminhos.

2008

Um ano diferente
sensações diversas.
Amigos em brasa
calor humano
frio de serra no São João.
Acidente. Fatal.
Na memória,
as boas lembranças vividas.
Como um susto
você se foi,
num impasse apareceu
em sonho meu
e disse-me:
A vida é bela.

Em homenagem à minha amiga Marcela Costa.

biografia:
Renato Sérgio Neves Ledo

Nasci em Caetité - BA. Tenho 18 anos. Desde cedo interesso por poesia, música, artes e elementos culturais. Vejo através da arte em si possiblidades de melhorar o nosso mundo, se não mudá-lo completamente, torná-lo mais harmonioso a cada dia.
Espero aqui, divulgar e compartilhar meu trabalho, na intenção de fazer da arte, um instrumento de constante evolução da sociedade.
E minha alma de poeta está voltada para o horizonte, onde o pensamento cria em si a necessidade de sonhar.

renatosenelo@hotmail.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s