s
s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Laura Maria Ferreira Miranda [Cnsul - B. Maracan-Rio de Janeiro-RJ]
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
PAZ
M
O
R

O que a Paz?
Ausncia de conflitos?
Ociosidade, alienao?
Contemplao, ao?
Ou ser o resultado do Amor?
Do amor cristo, caridoso,
generoso, fraterno, sincero...

[29/03/2009]


TURBILHO
[ao Paulo Roberto, um menino de rua]

Crianas famintas, homens de p no cho,
mulheres sujas, imundas, deitadas nas caladas
num gozo fedido, cheiro de podrido,
odores de lcool, cola, sujeira,
restos de comida, trapos, ratos, papelo.

Em cima do viaduto, carros de luxo,
blindados, escuros,
levando e trazendo indivduos alheios ao que se passa,
preocupados, no com a situao,
mas com a aproximao dos fedidos,
que perambulam imundos,
com sua irrelevante vida,
sua pobreza, sua tristeza.


AMOR VISTO DA JANELA
[Tijuca, 16/03/05]

O Pardal e a Pardoca
Olham-se com doura,
Alheios aos humanos olhos
Que os observam com ternura.

Repousam nos galhos de rvores,
Alimentam-se de amor,
Ao sabor do vento,
No calor do sol de vero.

Oh! que pena!
Aonde vo vocs?
Vo embora, juntinhos,
Fazer um ninho.

E o homem fica a pensar,
A desejar o encontro com a mulher amada,
A pensar como a vida pode ser simples:
Bastam dois e a vontade de amar.


BREVE APRESENTAO:
Laura Maria Ferreira Miranda [ Laura Miranda]
Nascida em 11 de maro de 1945, no Rio de janeiro, formada em Portugus-Literatura e Piano,
Professora h 46 anos. Iniciei minha carreira, no dia 11 de maro de 1963, como professora
primria. Mestre em Educao, fui diretora de Escola, orientadora pedaggica, professora de piano.
Aposentada como professora do Estado do RJ e do Governo Federal. Coordeno a Pastoral da Criana, na
Baslica de Santa Teresinha e o Vestibular Comunitrio, alm de ser professora da Universidade Veiga
de Almeida e participar de movimentos de poesia.

Me de trs lindos e queridos rapazes, av de uma linda princesinha, minha neta Laurinha e uma nora,
que mais uma filhinha querida, tenho uma mezinha de 89 anos muito animada. Carioca da gema,
emociono-me com as belezas da Cidade Maravilhosa, com as questes sociais, os meninos de rua, os
velhinhos desamparados, os jovens perdidos em seus caminhos, mulheres sofridas, violncia, pobreza,
poluio, falta de f, sade, educao e justia social. Porm, acredito no homem, no Amor e na Paz
que buscamos. Acredito que bons textos, sorrisos, dedicao e bons exemplos podem transformar, um de
cada vez, at sermos a maioria. Acredito que ns, professores, poetas, pessoas de grande
sensibilidade sejamos agentes dessa transformao da sociedade, do mundo.
E-mail:

lauramaria@globo.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s