s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Antonio Alves Guimares
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Falar de amor

Milenar e pedaggico
Rochefoucaud
Afirma:

Pouca gente amaria
se no tivesse ouvido
falar de amor


Concordo literalmente
Escancaro a porta
No economizo
Beleza luz

Meu tempo hoje

Veja bem dentro dos meus olhos
Minhas mos
Meu corpo
Queimam

Sou o instante apropriado
Da seduo
O nu verstil com pudor

GUIMARES ROCHA


A Dor em Ondas Gigantes
Guimares Rocha

I
O Globo chora
A dor agora
Prossegue a hora
Do adormecer
Do anoitecer
Do amanhecer
Tempo afora

Mortos amontoados
Aos magotes
Centenas de milhares
Objeto de varrio

Tsu Porto
Nami Onda
Palavra japonesa
Tsunami feminino
Onda que invade a terra

Abalo ssmico submarino
Foras internas deformam a crosta
O fundo do oceano se desloca pra cima
A gua acompanha o movimento

Em conjunto
Um somatrio de ondas
A centenas de quilmetros-hora
Depois a dezenas de metros-altura
Invadindo reas costeiras

Grandssima parte das mortes
Consideradas mais importantes
Na dor de agora
De epicentro asitico
Aconteceu chorando
Em reas que deveriam ser preservadas
Como santurios da humanidade
E no servirem poluidora explorao

A dor horripilante nas lnguas
Tem plenipotncia na vida real
Raiando sem cessar
Nas veias abertas
Do sagrado corao de Deus

Das tragdias surgem inevitveis
Lies de solidariedade
Avanos da tecnologia preventiva
Infinitos momentos de reflexo

Das tsunami da nossa vida
Grandes fortunas materiais
Aprendero a desaparecer

Os herdeiros da vida desfrutaro
As ondas de um mar de amor

Guimares Rocha
Membro da Academia Sul-mato grosense de Letras


A DOR EM ONDAS GIGANTES- II

Crescimento processo desagradvel
Para o nosso comodismo
Desenvolver expandir dolorosamente
As fibras envolvidas por um casulo

Todos rejeitamos a dor
Mas essa recusa intil

Quem nasceria sem a dor do parto?
Quem partiria desta vida
Sem experimentar ou fazer acontecer
A dor da morte?

Quem ousaria dizer:
- Bendita seja a dor?
Maldita nos nossos dizeres
Ela bendita nossa revelia
Nela encontramos alimento
Para a criatividade
Mistrio harmonioso da vida

Guimares Rocha
Membro da Academia Sul-mato-grossense de letras


A DOR EM ONDAS GIGANTES III

A destruio do nosso uso
Mas no nos pertence

A guerra uma forma de tsunami
Surgindo das profundezas
Da nossa interioridade

A nossa guerra comum
Imagina ser necessrio
Matar irmos pra viver
Destruir pra consolidar status poderio

Nasce no borbulhar surdo
Da arrogncia
Orgulho vaidade prepotncia
Medo de perder
nsia de ganhar tomar arrebatar
Sugar usufruir inchar

Tristeza...
Quem poderia impedir
A impureza que nutrimos por querer
Em nosso interior?

Qual lei
E qual decreto
Nos impediriam de construir
Nas trincheiras secretas da mente
A iniqidade?

Quem nos poderia salvar
Do fogo purificador?

Ningum obrigado a se limpar
Mas a nenhum ser dado escapar
Do ardente movimento contnuo
Da natureza em processo de purificao

Guimares Rochaa odr em ondas gigantes
Membro da Academia Sul-mato-grossense de Letras


Biografia:
Antonio Alves Guimares
- de Quixeramobim/CE, reside em Campo Grande-MS;

Pseudnimo:

Guimares Rocha

. Membro da Academia Sul-mato-grossense de Letras desde 27/9/2002 Cadeira n 4

. Representante da Cmara Setorial de Literatura [Conselho Consultivo para o Ministrio da Cultura elaborao de polticas culturais] Escolhido pelo Frum Estadual de Cultura [Campo Grande/MS, 12/3/2005]

POETA E ESCRITOR:

2007:

- Recebeu o ttulo de Cidado Campo-grandense [21/agosto]

2005:

- Agraciado com o ttulo de Cidado Vicentinense [Vicentina/MS]

- Destaque no Festival Amrica do Sul em Corumb/MS [21-28/5/2005] com performance [Show Encanto]

. 2003: Protagonizou o vdeo O Policial e o Poeta

LIVROS [2001] poemas [15 livros]:
. Dante Vive . Amor . Sonho . Cidades que Eu Amo . Desconhecido Pantanal . Luz . Saudades . Viver Lutar . Encanto . O Policial e o Poeta . Rio . Contrastes . Mofo . Gerao Iludida [escrito em 1983; transformado e reeditado em 2001] . Transformao

LIVRO

. Gerao Iludida [1983]

NOVOS LIVROS
filosofia [em forma de tratados, prosa e verso], 2005: Moral da Idade Mdia no Terceiro Milnio.
Coronel Adib A histria 2007


No prelo [2007]: tica na Polcia Militar: Uma Questo Moral


Antonio Alves Guimaraes -

guimaraespolicial@globo.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s