s
s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Enise Barros
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Veludo

Enquanto as ondas
Da noite clida
Arrebentam-se na praia
Da madrugada

Enluaro-me...

Noturno retiro
Pelo ar que respiro
Visto o manto de neblina
E embebedo-me
Em pequenas doses de silncio...

Over dose de sigilo
Palavras repartidas dos sentidos
Alma fosca de significados

A rebrilho-me
Por no sentir a dor
Daquele penhasco sem fim...

Empacoto as fantasias
Embrulho-me nas magias
Domo a fera povoada
Dos desencantos

E aveludo a boca
Da poesia...

Enise

Movimento

Primo
Reprimo
Teso
Prezo
Represo
Puras emoes...

Fao
Refao
Trao
Retrao
Puras sensaes...

Vivo
Revivo
Nos atos
Reato
Puros sentimentos...

Penso
Repenso
Mergulho
No espao
Profundos pensamentos...

Erro
Conserto
Desculpo
Peo
Licena
Cobro
Recompensa...

Amanheo
Anoiteo
Amo
Vento
Invento
Reinvento
Estou sempre
Em movimento...

Enise

Telepatia

Encante-me!
Sem que eu saiba
Onde comea o teu riso
Ou termina o teu pranto.

Encante-me
Sem que eu conhea
As estampas da tua agonia
Nem onde deitam teus medos.

Encante-me!
Com a lua a brincar
De encher e minguar
No cu de tuas magias.

Encante-me mesmo!
Sem fazer de conta
Que a fora da minha onda
No afronta
As marolas da tua calmaria.

Encante-me!
Deixe o teu rastro
Nas minhas noites vazias
Conte-me qualquer histria
Que saia da tua cartola...de fantasias.

Surpreenda-me!
Faa com que em tua trajetria
Teus aromas em mim se encalhem
Mesmo que teus encantos se espalhem
Ainda assim... por telepatia...

Enise

biografia:
Enise Barros

Sou uma pisciana nascida no dia 8 de maro em Bragana Paulista.
Adotei a cidade de So Paulo no momento de cursar a Faculdade de Educao Fsica na USP. E aqui fiz minha vida...
Trabalhei como professora em escolas pblicas e particulares.
Depois de filhos crescidos, as arvores florindo, escolhi as palavras como ferramentas para aparar algumas arestas.
Coloquei nelas um tempero suave e tentei acert-las de uma forma coerente, com ritmo e algumas rimas. Da os poemas foram nascendo na poesia que havia em mim.
Retirei da gaveta os rabiscos que estavam ali escondidos junto com a minha timidez de mostr-los a quem quer que fosse...
Neles estavam registrados momentos de insegurana, lindas e doces esperanas,
instantes gelados, fragmentos de um calor eterno, depoimentos antecipados, segredos da uma alma inquieta e que quanto mais inquieta, mais rabiscos ficavam amontoados...
E sempre voando por trs da lua, dando voltas pelo universo dos meus versos, fui colocando os sentimentos em dia na minha poesia...
No tenho estilo prprio, talvez a resida meu estilo.
Nem sei se nasci para poetar, mas o meu destino me fez seguir este caminho, as nuvens me mostraram para onde deveria ir o meu movimento e seguindo o trajeto do vento... Estou aqui.
Participo de sites de poesias e j estou em 2 antologias:
Poetas do Orkut - volume I e Poesias do Brasil volume 7.
Sou a cotovia que adora sonhar, busco em cada vo, mais um sonho para voar...

enisebc@uol.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s