s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Nilo Ribeiro
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Queria, mas sem demagogia...
[Nilo Ribeiro]

Queria ter as mos mgicas
e assim satisfazer o meu desejo,
lhe dar as coisas mais fantsticas
apenas para ganhar o seu beijo

sonho ser um grande jardineiro
e as mais belas flores cultivar,
plantar um jardim inteiro
somente para lhe ofertar

ser um talentoso artista
criar a obra mais linda do mundo
sem a inteno de ser altrusta,
mas demonstrar meu amor profundo

ter a habilidade de um arteso,
e na rvore mais frondosa
gravaria um enorme corao
que do meu amor seria a prova

se tivesse a genialidade de um pintor
certamente um divino quadro pintaria
ofereceria pra voc meu grande amor
dando mostra da minha alegria

enfim, sou um simples poeta,
e s tenho o meu humilde escrever,
mas lhe ofereo de forma concreta,
pois meu grande amor voc

escrevo sem nenhuma demagogia
e com muito sentimento,
quando lhe ofereci minha poesia
no esperava seu agradecimento,
escrevi apenas para exaltar
este amor que acaba de me deixar...

s...
[Nilo Ribeiro]

Meu amor no posso det-lo,
e por isso fao um apelo,
venha a mim se entregar,
s o reflexo do meu espelho,
s da vela, o lumiar

meu amor todo insano
desesperadamente eu te amo,
venha, lhe dou o cu
s o frescor do meu banho,
s o doce do meu mel

meu amor de loucura
seu dirio minha leitura,
venha me dar sua beleza
s da msica a partitura,
e da poesia, a sutileza

meu amor de verdade
no ligo para vaidade,
venha se dar por inteira
s do sentimento a saudade,
e da paixo, a fogueira

meu amor todo entrega
s uma coisa vou pedir,
venha logo e me pega,
venha logo me possuir

meu amor todo seu
s o prazer que Deus me deu...

No campo... ou na cidade...
[Nilo Ribeiro]

Hoje com a viola no peito
como se fosse minha amada,
vou cantarolar todo satisfeito
nossa paixo encantada

uma vida bem rural
como gostamos de ser,
o sexo divinal,
o mais puro prazer

na rede da varanda fazemos amor
sob o delicado olhar da lua
voc exibe seu corpo sedutor
maravilhosamente nua

linda esta vida campestre
e Deus vai nos abenoando
selamos o alazo Cafajeste
e fazemos amor cavalgando

um gozo intenso a caminho da cachoeira
um mergulho para relaxar
sua beleza lenha na fogueira,
e mais uma vez vou lhe amar

desta vez sob a luz do dia
bem livre, em plena natureza
isto me inspira uma poesia
de lhe amar com toda certeza

pego o violo
e lhe ofereo uma cano

comidinha no fogo a lenha
acompanha um aperitivo,
sua piscadinha a senha,
e nossa cama o objetivo

fazemos amor sobre o ninho
prazer, gozo e muito carinho
a vida de um caipira
apaixonado pela mulher querida

na cidade ou no campo
voc meu encanto
no campo ou na cidade
voc minha felicidade

de novo pego o violo
e lhe entrego meu corao...

biografia:
Nilo Ribeiro

Brasileiro, 50 anos, amante da vida e do amor...

nilo1957@pop.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s