s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Wellington de Melo
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
wellingtondemelo76@gmail.com
Biografia

DOR

antes do tempo
essa dor
que me rasga o estômago
que me acompanha
latente

a dor
de existir
insistente
a dor
de não
querer
a dor
mínima dor
de
ser outro
de servir
apenas
a dor
que me querem
dor

essa dor:
mínima dor
da lucidez

SIMULACRO

meu desejo agora
vem de fora
de mim

meu desejo
- me iludo
não é meu

meu desejo
se vende
na tela fria
que alimenta
minha fome
de ser

meu desejo
[de alguém
de algo]
não me pertence:

é leito estanque
em que me invento
a cada dia

é simulacro
em que me escondo
para não lembrar
quem sou

CASA
A meus pais, seu Geraldo e Dona Iraci.

'A casa onde vivemos a nossa infância jamais nos abandona, tornando-se a primeira grande experiência de transmutação poética.'
Gaston Bachelard

Essa casa que me habita
e que me faz paredes abertas,
me acompanha
e se verte
sombra em meu presente,
exerce
sobre mim a influência
que a Máquina
em vão aplaca.

Essa casa que me habita
e que me faz medo e sonho
me lembra que
meu nome impresso
em tua sina
não se desfaz
como o l sangrento:
é lume
é terra
é vento.

biografia:

Wellington José de Melo
nasceu em Recife em 18/06/1976. Escritor e ensaísta e produtor cultural, publicou em 2007 seu primeiro livro de poemas, 'O diálogo das coisas' [Ed. Universitária]. Sua obra inédita inclui os livros 'Desvirtual Provisório' [Poemas], prefaciado por Maria do Carmo Barreto Campello de Melo e 'Labirinto', romance de características físitcas e lingüísticas. Produz o programa de podcasting 'Poesi@', que divulga a poesia pela internet.
É professor de Língua Portuguesa e de Língua e Cultura Espanholas em diversas instituições de ensino do Grande Recife. Oferece cursos e oficinas de treinamento para professores e trabalha há anos como revisor, tradutor e intérprete.
Entre seus trabalhos mais recentes estão um artigo científico publicado na revista Tecer Conhecimentos com o título 'El neutro lo y el problema de la clasificación', tema também defendido no I Congreso Pernambucano de Español, realizado no Cabo de Santo Agostinho, e uma oficina intitulada 'Teatro da mente: o RPG como uma técnica para a sala de aula', realizada durante o IV Encontro de Contadores e [En]Cantadores de histórias, no Colégio Marista São Luís. A convite da Professora Doutora Lucila Nogueira [UFPE] organizou e traduziu o livro 'A musa roubada', que contém poemas inéditos da poesita da Geração 65 pernambucana, Terêza Tenório. O livro foi publicado pela Companhia Editora de Pernambuco e lançado na Bienal Internacional do Livro de Pernambuco em 2007.
Graduando em Letras pela Universidade Federal de Pernambuco, é membro do Colóquio de Estudos Literários Contemporâneos - realizado pelo Departamento de Pós-Graduação em Letras da mesma instituição -, tendo participado como Coordenador Executivo da edição de 2007 do evento.


 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s