s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Fabriciano PEREIRA DA SILVA
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
NO QUERO SER MENINO

Certo dia me chamaram de garoto.
Fiquei feliz!
Que mesmo sendo um Z de fome
Queria que garoto
Fosse o meu nome,
Pois menino nunca quis ser.
Achava ridculo:
Vem c menino,
Sai pra l menino,
Deixa isso menino,
Cala boca menino,
Tu vai apanhar menino.
Tudo proibido, por qu?
Ainda na infncia,
Fui chamado de criana,
Pimpolho, guri, beb.
Isso me encantava,
Nem tinha vontade de crescer.
Certo dia fui chamado de rapaz,
At me deu prazer.
Adolescente, aborrecente,
Logo adulto seria meu nome.
J no era um Z com fome...
Cresci, vivi a vida, sonhei,
Fui amado, adorado, amei.
Um certo dia, na velhice cheguei.
Vejam o meu destino,
Disseram:
- Esse velho virou menino.
Chorei....

EU ESTOU S

Eu estou s,
A multido no me faz companhia.
Estou s,
No existe acalanto
Na minha alma vazia.
Em meu sorriso,
No existe razo.
No encontro a cor
Da minha razo.

Estou s.
Cad o amor?
Cad a paixo
Para preencher
A lacuna do meu corao?

Estou s
Porque voc no veio.
Por que voc no veio?

Estou s.

EXISTE EM MIM UMA CRIANA

Existe em mim uma criana
Que quer viver, correr
Ter esperana
Sorrir, ser feliz, cantar
Nos caminhos da vida
Ter sonhos, aprender, brincar
E sonhos sonhados
Novos passos sero dados
Caminhar pelas estrelas
Sorver a luz do luar
E no manto da noite
Se agasalhar
Sentir a brisa fria
Soprar pelo mar
Que o sol da sua vida
No lhe seja abrasador
Que nos dias de inverno
Traga um pouco de calor
Quer ser amada
Abrir seu corao
E no encanto dos seus olhos
No veja s iluso
Quer amar as flores
Amando a natureza
Construir com seu amor
Um universo de beleza
Sem dio ou rancor
Onde s amor se faz
Para quando crescer
Ter um mundo de paz.

Biografia

FABRICIANO PEREIRA DA SILVA
conhecido como poeta Ciano, Potiguar, nasceu no interior do Rio Grande do Norte. Ele podia ter sido um agricultor, ou mesmo um fazendeiro. Mas, vejam o que o destino ou coisa parecida reservou para ele.
Ainda jovem deixa a terra natal no Nordeste e vai para o Sudeste, onde para sobreviver se torna msico, policial, compositor...
Hoje, com ar tranqilo, que s acontece com aqueles que venceram, ocupa seu tempo fazendo o que mais gosta: msica e poesia.
Publicou seu primeiro livro intitulado As Histrias de Ciano Verdades e Mentiras com Poesia. Ciano perpetua sua obra para que seus amigos e descendentes, dele se recordem por sucessivas geraes.


bibliotecadogalo@hotmail.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s