s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Tadeu Martins Soares
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
AS DEZ CORDAS DA VIOLA - Tadeu Martins

Violeiro vagabundo
violeiro beberro
violeiro mulherengo
violeiro tem parte com o co

Vi Jesus Cristo ao meu lado
envergonhado eu pedi perdo
no acredite nisto meu Pai
eu vou Lhe dar uma explicao

Isto inveno do capeta
ele sempre quis ser violeiro
ele perde qualquer desafio
frio e no verdadeiro

O capeta um mentiroso
ladino, tinhoso, embrulho
ele jamais vai tocar viola
pois Deus quem nos guia a mo

Violeiro que pega no pinho
com carinho faz sua escola
em verdade violeiro no toca
ele tocado pela viola

O respeito que temos por Deus
expresso nos dez mandamentos
a viola tambm tem dez cordas
que expressam dez sentimentos

A primeira corda do pinho
leva o nome de LIBERDADE
s quem a conhece que toca
espalha leveza e verdade

O AMOR a segunda corda
deve ser tocada por inteiro
forte e tem som de cristal
razo de ser do violeiro

Na seqncia vem a CORAGEM
uma cordinha encrenqueira
escorrega na ponta do dedo
d medo, tem eira e tem beira

Dedilhar a corda da PAIXO
faz qualquer corao se acender
se ela for tocada com fora
ela faz a cano se perder

A quinta a corda do SONHO
som verdadeiro e profundo
invade a cabea e o peito
e muda o ritmo do mundo

Uma corda sustenta as outras
vibrante o seu som l-com-cr
uma corda que nos consola
na viola o seu nome F

Tem outra corda especial
cujo som ecoa e faz lambana
quem amplia o som da vida
a corda chamada ESPERANA

Corda difcil de se dedilhar
a corda fina da GRATIDO
faz barulho virar sinfonia
afinada com o corao

Quem faz a cano ficar bela
quanto mais fundo ela alcana
toca o filme da nossa vida
a cordinha chamada LEMBRANA

A melhor corda da viola
tem som de ternura e amizade
ligada na fonte do peito
faz chorar e se chama SAUDADE

Em verdade eu Lhe digo, meu Pai
a emoo que d o tempero
mas s quem conhece as dez cordas
pode ser um grande VIOLEIRO

Por isto eu Lhe peo, meu Pai
ajude a levantar nossa bola
proteja todos os violeiros
e abenoe o som da viola.

O SOM DO CARRO

Um tico, um teco uma ervilha
sem inteligncia na trilha
a cabea do cidado
que pe som possante no carro
para zoar e tirar um sarro
para azucrinar a populao
o carro do som do pavor
tem muitos cavalos no motor
e tem um burro na direo

Liga o ar condicionado
dirige com o vidro fechado
uma tremenda curtio
livre da poluio sonora
pois o som voltado pra fora
ele gosta de chamar a ateno
carro preparado com amor
tem muitos cavalos no motor
e tem um burro na direo

E a msica que ele gosta
pode fazer qualquer aposta
sertanojo e breganejo
' som pra agradar as mui'
garrafinha, pocot e ax
bate-estaca, bondinho do tigro
o carro de um paquerador
tem muitos cavalos no motor
e tem um burro na direo

O crebro de boneca
dois neurnios e meleca
consolidando a ligao
sua verdade puro mel
mulher s serve para motel
autoritrio e macho
e o seu carro sedutor
tem muitos cavalos no motor
e tem um burro na direo

Ele chega no meio da praa
e parece que por pirraa
sai e deixa o som ligado
brincalho, tipo moleque
ele sai pra tomar um pileque
faz o mundo ouvir sua cano
aquilo que carro, doutor
tem muitos cavalos no motor
e tem um burro na direo

Tadeu Martins

O POVO MINEIRO

Minas abre as portas para o mundo
afvel, bondosa e hospitaleira
no tem dio guardado em geladeira
e no nega vela a moribundo
mineiro fervoroso e profundo
o seu peito bate como um sino
na arte que traa o seu destino
ele luta em defesa da verdade
esta Minas se chama LIBERDADE
Tiradentes, Tancredo e Juscelino

O mineiro meio desconfiado
filosofa a respeito da intriga
d um boi para no entrar na briga
mas se entra o trovejo complicado
d boiada e no sai derrotado
liberdade o verso que declama
s cr em fogo quando v a chama
tem o som de uma banda no ouvido
e o mineiro tem fama de sabido
bom de prosa, de mesa e de cama

O mineiro rico em argumento
ama a lua e tambm seresteiro
poeta, sonhador e cavalheiro
quando quer ele meio pirracento
se quiser d rasteira at no vento
teimoso, enxerga muito alm
qualquer coisa para ele um trem
fala uai e gosta de po de queijo
v montanha e sonha com um beijo
seu desejo ele finge que desdm

O mineiro tem a fama de seguro
no amarra cachorro com cip
o mineiro no d ponto sem n
planta verde para colher maduro
s se cala para ouvir o futuro
sempre espera pela cor da fumaa
mineiro no perde o ar da graa
o mineiro no cai em arapuca
s mete a sua mo em cumbuca
quando ela para beber cachaa

Tadeu Martins

biografia:

Tadeu Martins Soares
nasceu em 26 de abril de 1953 na cidade de Itaobim, no Vale do Jequitinhonha. Em 1973 chegou em Belo Horizonte, onde cursou Engenharia Qumica na UFMG e foi professor de Qumica em cursos pr-vestibulares por mais de dez anos [1976 a 1986].

Foi coordenador de eventos na Turminas- Empresa Mineira de Turismo, durante seis anos [1982-1987] e assessor da Secretaria Municipal de Cultura de Belo Horizonte [1991-1992]. Por seis anos foi Diretor de Operaes da BELOTUR [1993-1999], onde ocupou a Presidncia da empresa por seis meses. L, foi o responsvel pela implantao em Belo Horizonte de projetos como a Caminhada do Centenrio, Carnaval Prapular, Marcha da Lua Louca, Conhea BH, Liberdade Musical Ita, Santa Teresa em Serenata, Minha Praa e pela ampliao do Arraial de Bel, entre muitos outros.

Tadeu Martins foi Coordenador do Cerimonial do Prefeito Clio de Castro [1999-2000] e Gerente Regional de Cultura da Prefeitura de Belo Horizonte [2001-2003]. Em junho de 2003, reassumiu a Diretoria de Operaes da BELOTUR, onde atua at hoje, e respondeu pela Presidncia da empresa de 01 de julho a 31 de dezembro de 2004.

Tadeu Martins ministrou cursos de promoo de eventos em muitas cidades mineiras e j proferiu palestras sobre os temas 'Promoo de Eventos', 'Cultura Mineira', 'Cultura e Turismo', em vrias universidades brasileiras. produtor de eventos h mais de 30 anos, e j atuou em 9 capitais e em mais de 200 cidades brasileiras.

Membro efetivo da Comisso Mineira de Folclore, Tadeu Martins tem dez livros editados, sendo que dois deles, 'MINAS GERAIS EM VERSOS & OUTRAS PROSAS' e 'JOGANDO CONVERSA FORA', foram lanados nas cidades de Elizabeth e Newark, nos Estados Unidos, em janeiro/2003 e maro/2005.

Tadeu Martins casado com Solange Mendes, e pai de Tatiana [1975] e Vladimir [1976], e av de Gabriel [1991], Rachel [1996] e Rafael [2004].

Tadeu Martins Soares
e-mail -



tadeu.martins@bol.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s