s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Cludia Zin
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
O Jaguar

E assim vem o Jaguar...
solitrio felino
seguindo seu triste destino.
A vida vem a bailar
como o ciclar e reciclar
da sbia cadeia alimentar.
Animal de rara beleza
obra prima da me natureza.
Seu plo que mais parece um veludo pintado
o ajuda a se tornar camuflado.
Nadando e correndo com ligeireza,
vai contra o vento...
deixando sua vtima indefesa,
e num surpreendente salto, devora a presa, pois na natureza
necessita de alimento
para ainda sobreviver neste momento.
Porm o que o Jaguar no sabia,
era o que a vida ainda lhe atribuiria...
E a selva de pedra avana,
deixando-o mais perdido do que uma criana.
O bicho homem est chegando,
e ele vem... queimando...
desmatando... destruindo...
poluindo...
O Jaguar pede socorro,
sua vida j est perdida...
e ele fica acuado,
no tem mais sada,
o projtil foi deflagrado...
E que ironia...
de caador destemido,
torna-se adorno da burguesia...
que s se preocupa em ostent-lo com alegria
...Quanta hipocrisia...

['Phanthera onca' nome cientfico da ona-pintada, tambm conhecida como Jaguar, que em tupi-guarani significa 'que mata com um salto'. Consta do to temido 'ranking' de animais ameaados de extino. Motivos da ameaa - ao humana - caando predatoriamente e destruindo o habitat natural com queimadas, desmatamento, poluio de rios e matas].

Cludia Zin
20/05/2007
Publicado no Recanto das Letras.


O sorriso o melhor remdio

O sorriso o melhor remdio
para viver em harmonia.
Ele capaz de acabar com o tdio
dentro de uma vida vazia.
Para encantar o dia,
ele o mais doce assdio.
O sorriso o melhor remdio
para viver em harmonia.
Ele como um sortilgio
que faz de seu rosto moradia.
Demonstre sempre o privilgio
para uma vida de alegria
O sorriso o melhor remdio

Cludia Zin
25/05/2007
Publicado no Recanto das Letras.


Sonho interrompido

Quantas vidas foram interrompidas
vtimas de acidentes, de balas perdidas,
crimes, assassinatos, enfim...
Por diversos motivos chegaram ao fim.
Sacrificadas pela violncia
no terminaram aqui na terra sua vivncia.
Tiveram seus sonhos inacabados
e suas famlias dilaceradas.
A justia terrena impune e morosa...
S a fora Divina terna e amorosa.
Esperamos um dia, que no haja famlias imbudas em dor,
que a fraternidade esteja presente junto ao amor...
que a impunidade de vez terminada
e a esperana para sempre conservada.

Cludia Zin
18/07/2007
Publicado no REcanto das Letras.


biografia:

Cludia Cristina do Nascimento Zin
. Nasci na cidade maravilhosa do Rio de Janeiro, e aos 14 anos me mudei com meus pais para So Joo del-Rei - Minas Gerais, onde resido at hoje.
Sou me de trs filhas.
Sou formada em Pedagogia, com especializao em Psicopedagogia, atuando como professora no Ensino Fundamental.
No tenho e nem nunca tive a preteno de ser escritora ou poetisa, porm escrevo porque gosto, por necessidade de uma satisfao pessoal, e para expressar sentimentos e emoes, pois estes so manifestaes da alma de cada um.
Publico alguns de meus escritos no site: recantodasletras.uol.com.br/autores/claudiazin;
em algumas comunidades do Orkut; e em meu blog:
au-dela.zip.net, onde no apenas escrevo trabalhos de minha autoria, como tambm destaco outros autores.

clau_zin@hotmail.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s