s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Edson Milton RIBEIRO PAES
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
DIARIO SOLIDO

Sexta feira seis da tarde olho as paredes ligo a TV...
Barulho irritante historia repetida...
Angustia constante...
Crise de vida!!!

Saio para a noite perfume provocante...
Roupa atrevida cala bem passada...
Camiseta muito justa...
Situaes j vividas!!!

Gasto gasolina...
Tomo diversas bebidas...
Conheo pessoas vazias...
Expresso da madrugada...
Carregado de angustias!!!

Insisto mais um pouco...
Troco de ambiente...
Quase pareo um louco...
O desespero eminente!!!

Desisto de procurar...
Resolvo tomar o caminho de volta...
No posso deixar a tristeza me abalar...
Meu corao esta cheio de revolta!!!

Entro em casa cambaleante...
E pego meu companheiro de angustia...
Nele descarrego meus devaneios...
Aqui nada me assusta!!!

Choro e sorrio...
Escrevo e canto...
Fao de tudo pra me livrar do vazio...
A solido o meu desencanto!!!

VAMPIRO FINANCEIRO

Todo aquele que se curva ao dinheiro...
Vive preso a conceitos, escravo de cifras...
Dependente de resultados...
Um rob financeiro!!!

A vida lhe escorre das mos...
Enquanto segura a moeda...
Valores humanos lhe dizem no...
Mas ele faz tudo para se livrar da queda!!!

Pobre homem rico...
No consegue ser estvel...
Enquanto junta o ouro...
Vive infeliz, vive como um miservel!!!

Condena sua descendncia...
A uma viglia constante...
Perdem toda a sua inocncia...
Tentando ser rico o bastante!!!!

E quando se acham grandes...
Tropeam na felicidade do simples...
Mas uma vez se agarram nos montantes...
Pisando nos felizes humildes!!!

Quase no conseguem se saciar...
O sorriso estudado...
Probem-se at de amar...
Pois o amor um sentimento trocado!!!

Jamais do alguma coisa a algum...
Aceitam ou tiro tudo de todos...
Acumulam at o ultimo vintm...
Mas so apenas infelizes, tolos!!!

Cultuam posies...
Guardam jias...
Vivem de aparncias...
Suas vidas so inglrias!!!

Fazem fortunas incalculveis...
Lotam consultrios psiquitricos...
Arrastam-se entre os saudveis...
Tentando perceber o obvio!!!

Perdem ou vendem sua dignidade...
Ou a trocam por valores...
Crescem mas nunca atingem a idade...
De entender seus prprios dissabores!!!

VOC

Minha vida tinha se tornado introspectiva...
Meus dias eram muito calmos...
Minha mente estava pouco ativa...
E as sensaes, era puro desanimo!!!

Em um lampejo de olhar...
Num breve e intenso segundo...
Voc resolveu me presentear...
Com os sonhos mais lindos do mundo!!!

Entre delrios vontades e emoes...
No meio de lagrimas e risos...
Entre suor arrepios e erees...
O seu olhar foi apenas um aviso!!!

Dormir agora maravilhoso...
Traz o sonho, traz a esperana...
Acordar me remete de novo....
A buscar esta gostosa lembrana!!!

O teu cheiro viagem...
O teu gosto gostoso...
A tua pele miragem...
O teu beijo maravilhoso!!!

O teu corpo o meu corpo...
O teu prazer o meu delrio...
O teu suspiro o meu gozo...
E o teu amor o meu destino!!!

ESCOLHAS.

Pudera eu ter contido o riso
O riso to puro de um homem maduro
Quem me dera ter segurado o choro
De lagrimas tristes de um tempo perdido
Quisera eu ter vivido a vida
A vida escolhida
E no a vida sofrida
Ao tempo no se espera e nem se apressa
Jamais esperarei sem ter pressa
As coisas que o destino reservou
Sofro de ansiedade pela demora
Pois bem sei que aquela moa j senhora
E que a minha mocidade, faz tempo que acabou.
Pudera eu ter percebido que o tempo no passeia.
Passa corrido
Que o mar no para, s se acalma.
E que o vilo do corpo
a prpria alma
Quem me dera poder ter vivido de qualquer maneira
Sem exigncias, Viver de forma passageira.
Muito pouco teria sofrido
Por fim aceitar o que me foi separado
Agradecer a todos o que me foi dado
E aos cus reverenciar com muito bom grado.

biografia:

Sou Braisleiro com muito orgulho, tenho 55 anos e gosto de poemas e poesias.

edsonmrpaes@hotmail.com

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s