s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Vadevino Antonio Rodrigues
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

O MACONHEIRO

A fumaça vai subindo -
A fragrância é medonha!
O raciocínio vai sumindo -
É o efeito da maconha!

Sentado no meio-fio ...
Encostado no muro ...
Chama o passante de tio;
Troca o claro pelo escuro.

Com olhar de peixe morto,
Sai andando meio torto,
Falando só abobrinha.

O sujeito esquisito,
Com esse vício maldito,
Já gastou tudo o que tinha!

TEMPO PASSANTE

O tempo passa...
[Ele nunca pára]
Imprimindo rugas
Na minha cara.

O tempo passa...
[Não ouve meu apelo]
Um a um arrancando
Meus fios de cabelo.

O tempo passa...
[Em disparada]
me deixando a boca
Co\'a gengiva pelada.

O tempo passa...
[Como um avião]
Me tapando o ouvido,
Embaçando a visão.

O tempo passa...
[E vai pro além]
Sou igual a ele -
Eu passo também.

DESCOBRI ...

Agora sei porque
Sempre fui louquinho ...
Faço coisa esquisita,
Penso alto, falo sozinho ...
Onde tem muita gente
Fico num cantinho ...
Me dá nos nervos
Muito burburinho ...
Se a conversa é longa
Logo digo adeusinho ...
Por mais que me esforce
Continuo burrinho ...
Em vez de cérebro
Tenho um coquinho ...
Me deprimo à toa
Já desde cedinho ...
Mesmo com mapa
Não acho o caminho ...
O motivo é simples
E deste tamainho:
Quando nasci não fiz
\'O teste do pezinho\'.

Agora já era
Não tem mais solução:
Porque não existe
\'O teste do pezão\'.

biografia:

Vadevino Antonio Rodrigues
, residente em Curitiba-Brasil. Autor do livro \'Versos & Poesias\'. E-mail:

vaderodrigues@ig.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s