s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Luiza Porto Schartner [Cnsul - Z-N-So Paulo-SP]
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
SUA RAINHA
Luiza Porto

Quando se aventurou em minha vida
o proibido te encantou
Sei de seus outros amores
se embriagou em outras fontes
mas queria matar sua sede
em mim

Eu em meu castelo
a rainha
to louca,
me apaixonei por ti
um plebeu.

Bebeu em minha fonte
esqueceu o perigo
rondando como lobo
foi me cercando
e tudo aconteceu.

Eu fria e mal amada
ao ser desejada
me entreguei ao sentir seu desejo

Te quero por inteiro
esqueci a nobreza
deitamos em cetim macio
e felizes no calor da paixo.

Eu absoluta, sussurrava
em delrio
me sentindo penetrada
perdi a majestade.

Sou sua escrava
sem coroa, perdida
feliz em ser sua fonte
Sua vida, minha vida.
***

EM SONHO TE ABRAO
Luiza Porto

Sonhos, abraos, laos,
em teus braos, que me perco
a vagar no mar
da paixo sentida.

Por que sonho? Se tudo acabou.
Ficou o desejo, latente
o amor que lhe tenho ainda,
uma tristeza contida
de uma espera sem fim.

Quando se ama
sempre uma esperana
um novo encontro, e o
destino a traar planos.

Vem querido, no me faa esperar
vem com seu sorriso travesso,
suas mos salientes, carente
te espero chegar.

Meus sentidos esto despertos
em sonho te abrao, s tem que aceitar
Nossos destinos foram traados
em algum caminho, rumo ao mar.
****

ROSAS, PAZ
Luiza Porto

Rosa branca da paz
salpicada de vermelho
do sangue de inocentes
nas guerras das intolerncias.

Rosa branca da paz
perfume perdido
na fumaa de ataques
com bombas anti-areas.

Rosa branca da paz
sua beleza transfigurada
pelos senhores da guerra
que na luta pelo poder,
lhe tiram a alma.

Rosa branca da paz
te quero pura.
No importa se rubra,
rosa ou amarela
Mas que sejas da Paz...

biografia:

A poesia est sempre presente no meu todo.
Meu veculo de comunicao potica a Internet . Tenho meus poemas publicados nos sites. Recanto das Letras. Ciranda das Letras, Luazul
Sou uma ativista cultural, que usa como ferramenta a Internet .
Meus poemas so voltados cultura da PAZ , DO AMOR, DA HARMONIA ENTRE OS POVOS E DA MANUTENO DO EQUILBRIO DO MEIO AMBIENTE.
Minha poesia realmente engajada na Paz e na Manuteno da Vida na Terra.
Li o Manifesto Universal no site do Movimiento Poetas del Mundo e senti que meu poetar est de acordo com esse Manifesto. Atualmente, estou organizando para publicao um livro de poemas em parceria com a poetisa Joyce L. Krischke - Consulesa de Poetas del Mundo- Porto Alegre-RS.
Embora escreva desde muito jovem, sinto-me uma singela aprendiz das letras e do fazer potico.

luizaporto@terra.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s