s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Shirlei Romano
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Cartrio I

Este nome no mais meu.
Eu j disse, no atendo.
Se houver um qualquer este que estou querendo.
No quero duvidar de que virei doutor
Mas esta dura matemtica continua errando.
Vou parar de tentar, mas vou descer no prximo ponto,
talvez caminhando encontre aquele velho amor.
Juras de qualquer coisa.
E para este que devo.
No atendo mais por este nome.
Desgostei de minha pessoa.
Portanto se aparecer algum que no estimo
digam que meu nome s falado em bares de excomungados
Fui embora desta bola, a passei para vocs...
Percebi que cada vez que meu nome era falado, sofria uma mar de azar.
De praxe vou pra longe.
No quero mais a vida molestar.
Estou indo para l de Juazeiro, retirante deste pequeno mar.
Mas deso no prximo ponto que para o caso de eu mudar de idia,
ainda poder voltar desta, que a minha primeira odissia.
Vou cantando para afastar aqueles que me querem mal e aproximar
os belos olhos que cruzei um dia l no litoral.
No me sigam e no me chamem, isso coisa toa.
No atendo mais por este nome
Desgostei de minha pessoa.

Cartrio II

Que audaciosa aventura ao sair de Juazeiro
Por mais de trs vezes confundido, ferido.
Forasteiro de minha vontade.
Meu crime no saberia relatar
Afinal que mal h em no querer mais o prprio nome carregar.
Neste caminho de meu Deus, tantos abutres avistei.
Era tanta carne apodrecendo, uma seca eterna me remoendo.
Que por vezes passei rastejando, outras, fugi correndo.
preciso muita coragem para ser covarde.
Fui corajoso! Declaro ento...
E nisso ouo o eco de minha voz :
No, no...
Sigo reto e vou sem destino,
talvez a felicidade que tanto quero,
vire a esquina como espero e o faa antes de amanhecer...
Vejo minhas terras prximas de mim, reconheo o cheiro...
No parei muito longe, disso j declarei confisso
Mas se daqueles belos olhos obtivesse eu o perdo...
Voltaria a viver em Juazeiro e veria os dias como eles so.
Mas sou homem de palavra:
Respeitem meu pedido.
Volto se meu batismo for esquecido...
Repasso minha coroa.
No atendo mais por este nome
Desgostei de minha pessoa.

Manifesto

Em face da nova desorganizao mundana,
Convoco os espritos rebeldes a protestar contra o tudo.
A todo o caos artstico que comea na falta de competncia critica
e da vontade de trocar o real imaginrio, por algo sustentvel.
Pelo no fazer, pelo no escrever, no cortar... Negar sempre...
Fao presente a indignao do que remontamos, como sendo nossa verdade...
H tanto em mente que os novos Picassos contorcem as perguntas e pem interrogaes nas respostas
Somente para ouvir de novo o que no conseguem entender
Enfraquecem antes de amanhecer.
Tratam telas com desprezo e ignoram os beijos da noite.
Todas as noites.
Escondem o que poderia e deveria ser questionado.
Contos de nada!
No pertencem realmente classe de olhares flamejantes que tem sede
de buscas .
Estamos todos, enfileirados em busca dos processos, dos meios. Pouco
importa como acaba.
Arrisque, faa um desejo... 1000 pedidos.
Ao meio.Sem freios
Ningum vive o suficiente para cometer todos os erros.
Espero que consigam chegar, sem pestanejar.
Em face de toda a desorganizao, desejo que no se corrompam.
No vendam rebeldias
No aceitem regalias.
Faam truques, escapem com certa maestria.
Sejam mais do que esperam, e cheguem em algum lugar...
Qualquer um. Mas cheguem l.
Fao este manifesto, com autoridade de quem se sente...
Prxima de uma nova realidade...
No a utpica, a escrita, a prometida por nossos pais...
O motivo real pelo qual continuo.
Pelo qual permaneo...Insisto e, portanto ainda existo.

biografia:

Shirlei Fernandes Romano


Nome artstico: Shirlei Romano

Nasceu: em So Paulo

Profisso: Escritora, Artes e Publicitria.

Formao Acadmica:
Graduao:
Comunicao Visual-Publicidade e Propaganda pela
Universidade Braz Cubas UBC- SP

Currculo artstico:

1989 - Inicio de produo independente, interferncia em contos infantis e venda de seus trabalhos de uma maneira informal. [amigos e parentes]

1994 - Produo de dois contos e mais de 100 poemas... Perodo de descoberta de referencias verdadeiras e interesse por prosa e verso

1995 - 2005 - Reconhecimento de professores e das instituies que estudou sobre seu desenvolvimento e aprendizado com a palavra escrita, rimada, versada e cantada.

2005- Edio do livreto -Palavras Costuradas e Imagens Intuitivas- um dilogo entre a xilogravura [ absorvida nos anos anteriores, com a Gravadora Nancy Melo ] e as rimas aspirantes ao reconhecimento do pblico.

2006- Convite para recitar seus contos e versos, nos sarais promovidos pela cidade de Pirenpolis -GO.

shirlei_romano@yahoo.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s