s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Nancilia Pereira [Cnsul - ZO-Campo Grande-RJ]
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
FALA POETA

Fala, poeta!
Mostra tua garra,
Explode teu grito.
Nem que seja na marra
Te torne infinito.

Fala, poeta!
Defende tua terra,
Teu cu,
Teu mar.
Usa teu grito de guerra
Sem medo de pecar.

Fala, poeta!
Tua poesia de amor,
Teu protesto de dor.

Fala, poeta!

Fala, poeta!

Fala, poeta!

Nancilia, do livro O Instante Vivido, pg 37

SER GENTE

Hoje estou com vontade
De mergulhar na humanidade,
Descobrir a sua verdade
Me situar na realidade.

Saber como se sente
O negro discriminado
Na sua cor desrespeitado.
O pobre marginalizado
Que anda em trem lotado.

Saber como se sente
O branco cheio de frescura
No poder de sua brancura,
Manipulando a negra figura,
Levando-a, at, loucura.

Saber como se sente
A mulher descasada,
A criana abandonada,
A moa estuprada,
A velha desprezada.

Saber como se sente
O homem machista,
Radicalista,
Egosta.

Saber como se sente
A humanidade, realmente,
E me fazer diferente:
Mais amiga, humana, mais...gente.

Nancilia, do livro Liberdade de Sentimentos, pg 98

O INSTANTE VIVIDO

Ningum poder me tirar
O instante vivido,
O prazer de ter sido tua
E plenamente te possudo.

Ainda que me acorrentem
Eu te preservarei
Inteiro, vivo.
No meu interior
Eu te cultivarei
Ainda que me atormentem.

Podem quedar o meu corpo,
Maltratar minha mente,
Anular-me como mulher
E at mesmo como gente,
Mas nunca, nunca conseguiro roubar
O teu gosto na minha boca,
O teu toque na minha pele,
A tua palavra,
O teu sorriso,
A tua entrega.
Isto ningum,
Ningum poder me furtar.

Estes detalhes
So partes integrantes de mim.
Estas coisas pequenas e infinitas
So minhas, so benditas,
Eu as conquistei atravs do amor,
Atravs da dor.
Delas no abro mo,
No fao opo.

Da a certeza intensa e forte
De seres meu eternamente.
Mesmo dentro da impossibilidade
E at depois da morte
Continuarei te amando intensamente
Nos mistrios da eternidade,
Porque...o instante vivido
Pode j no ser,
Mas sempre ter...sido.

Nancilia, do livro O Instante Vivido,pg 11

Resumo Biogrfico:

Nancilia Pereira
escritora, professora e pedagoga. Em 1987 lanou o livro de poesias 'Liberdade de Sentimentos'. Hoje j possui 20 obras publicadas: cinco de poesias, doze de literatura infantil e infanto-juvenil e trs obras biogrficas. Gosta de estreitar a relao autor/leitor atravs das palestras, debates, conferncias ou seminrios que realiza nas escolas, bibliotecas e espaos culturais onde seus trabalhos so adotados ou utilizados.
Membro da Academia Interamericana de Literatura e Jurisprudncia de Anpolis/Gois, do Sindicato dos Escritores do Estado do Rio de Janeiro, do Instituto Campograndense de Cultura [ICC], do Lions Clube Guaratiba/RJ e do Circuito Literrio Conversa com Verso. Orgulha-se de ser autora do Projeto de Descentralizao da Cultura atravs de Coordenadorias Regionais, implantado pelo prefeito Cessar Maia, em 2001, no Municpio do Rio de Janeiro.
Por seu trabalho cultural foi agraciada, em 1995, com a Medalha Tiradentes, concedida pela Assemblia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro. No ano de 2004 foi honrada com o Prmio Internacional Lions de Cultura e em 2003 e 2006 recebeu Moo de Louvor da Cmara Municipal do Rio e Janeiro.

nancilia.pereira@terra.com.br

http://www.nancilia.com.br

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s