s
s
s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Carlos Donizeti de Oliveira
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia
Desafio aos vaga-lumes que sonham...

H quanto tempo tolo fui...
Quantas vezes, eu perdido a olhar as estrelas
Sem pensar que seus brilhos pudessem decepar, faze vagar
Perdido entre os astros vagabundos do espao...

Sem lao, dono, pousada, morada...
Feitos para iludir os tolos na esperana de luz
So escuros, frios, solitrios e decadentes
Feito para as mariposas, os brios, e
Poetas malucos e errantes que clamam

Ah! Vida que te quero! Suspirar, apaixonar!
Porque me enganas, fere-me, ilude-me como os
Vaga-lume, tanajuras, borboletas e rosas
Que nascem belas nas manhs e a tarde so defloradas

Porque me enganam vidas a iludir-me
Depois a fazer recuar na terra junto
Com as megeras, animais e besta
Engana-me e mentem e sou desvairado por ti..

Quantos mistrios, neste palco onde o palhao, morre
Enganado, desprezado as minguas...
Comido por bichos, recua na boca dos pores da terra
Quero, viver mais, mesmo nesta sinfonia maluca
Quero, almejo, viver mais.

Quebre o vaso

Quando as feridas no curam,
Os prantos no secam ou murcham,
Os caminhos chegam ao fim,
Soluos seguem no crepsculo,

A Infmia perde a vergonha,
Arrogncia perde o orgulho,
Onde os bens no mais valem nada,
Tudo se finda na estrada,

Chega hora de quebrar o vaso,
Onde no pode existir mais...
preciso s nos podemos fazer,
Para que alguma coisa possa acontecer...

Quando o vaso despedaado,
O perfume derramado,
As lagrimas so enxugadas,
O caminho encontrado,
E as feridas so curadas.

Vossa Exa.

Vossa Exa. os tijolos que foram feitos esta casa saram amassados da olaria de meus braos e amolecidos com as gotas de meu suor. Vosso Exa. assim como o joo-de-barro cata e trs a cada bicada um pouquinho de argila para fazer sua habitao, eu e a mulher e meus filhinhos trouxemos l do barranco o barro e o transformamos no nosso abrigo de paz e amor. Vossa Exa. quando no calor do dia aonde o sol chega a cortar a pele e as borboletas procuram terra molhada, noite no cu das estrelas procuro entre todas elas meu cantinho de paz direo, minha casa, meu teto. Vossa Exa., tarde quando chego do trabalho sento na cadeira na sala e repenso de como bom depois da obrigao cumprida, o repouso onde aos poucos se achegam meus filhinhos a procura de po. Neste lugar, Vosso Exa. no temos o luxo das grandes casas das cidades, mas sempre temos uma xcara de caf servido com muita afeio. noite quando os anjos descem para abenoar, junto vm os querubins trazendo palavras de conforto e paz para mim.

AUTO-BIOGRAFIA:
Eu sou Carlos Donizeti de Oliveira
tenho 49 anos, casado com Malvina Soares de Oliveira, brasileiro e morador em Hortolndia, meu passatempo favorito escrever Poesias, Poemas e Contos, em vrios fruns na WEB.
Fao isso porque gosto de ler e escrever, mas sinto que preciso aprender muito, pois a cada dia descubro coisas novas sobre como escrever bem. Sinto dificuldade para escrever quando no tenho pleno conhecimento do assunto, ou quando acho que o leitor no se beneficiara da leitura.O meu maior sonho era fazer um curso de nvel superior, consegui, graas a Deus, Sistemas de informtica na faculdade Hoyler.No faz muito tempo que escrevo poesias aproximadamente uns quatro anos.
Acredito que tudo que se passou com os grandes Poetas e Escritores tambm se passa comigo.
Quando minha alma desabafa as palavras vo surgindo de repente.
No tenho gosto musical, pois gosto de tudo que no ofende as pessoas.
Gosto de passear em lugares tursticos e se comunicar sobre artes literrias.
Gosto de comentar sobre vrios assuntos, mas reservo sempre uma idia contempornea.
Para mim motivo de satisfao quando posto um trabalho em um frum.
Tenho tambm vrios fruns na Web, com vrios poetas postando seus trabalhos.
Se algum quiser se comunicar comigo mande um e-mail via http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=4303

Todos meus trabalhos sero traduzidos do portugus para o ingls, espanhol pelo tradutor do Google. Agradeo antecipadamente a todos os internautas por ler meus trabalhos na WEB, grande abrao.
Luto constantemente para dar pleno significado a minha existncia.

http://www.clesio.net/midis/sugestoes_1/what_god_is.mid

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s
s