s
s
s
s
s
s

El contenido de esta página requiere una versión más reciente de Adobe Flash Player.

Obtener Adobe Flash Player

Luprcio Mundim [Cnsul - Ipameri-GO]
Nacionalidad:
Brasil
E-mail:
Biografia

Lua Oriental

Ah minha doce lua,
crescente lua oriental,
a linda imagem sua
cura-me de qualquer mal.

Lava minh´alma suavemente
eliminando todas as tristezas,
incentive-me a seguir em frente
observando somente as belezas.

Transporte-me ao mundo da poesia
onde reinam o encanto e a paixão,
onde meu amor se envolve em minha fantasia
e se entrega aos desejos do meu coração.

Sou

Sou abelha sem o pólen da flor,
sou planta sem água e calor,
sou locomotiva sem óleo e vapor,
sou um miserável sem o seu amor.

Sou pássaro ferido e sem ninho,
sou flor sem pétalas, sou epinho,
sou um perdido sem rumo e caminho
sou um mendigo sem o seu carinho.

Sou um deserto imenso a arder,
sou arco-íris sem sol e sem chover,
sou pedra, sem vontade nem querer,
não sou nada sem seu amor ter.

Soneto do Amor Perdido

Como dormir sem seu calor
se minha cama fria insiste
em me acordar e logo desiste
de me acolher sem o seu amor?

Ando pela casa escura e silente
procurando algum carinho e consolo,
tentando esquecer o quanto fui tolo,
tentando apagar suas lembranças da mente.

Afinal pelo sono sou vencido
e enquanto dura do sonho o encanto
possuo tudo o que me é querido.

O dia logo amanhece e me levanto,
tudo o que era meu tendo perdido,
resta-me apenas o eco do meu pranto.

biografia:

O Autor

Nasci em Taubaté, São Paulo, em 04 de novembro de 1946 e com apenas um mês de vida fui levado por meus pais para a pequena e linda cidade de Ipameri, Goiás, onde fui criado e onde estão minhas origens. Em13 de dezembro de 2004 a Câmara Municipal de Ipameri concedeu-me, por unanimidade, o título honorífico de Cidadão Ipamerino, realizando meu sonho de um dia poder declarar que sou Ipamerino

Não me considero uma pessoa culta, apenas adoro passar meus sentimentos para o papel e para o monitor, sem grandes preocupações. Escrevo poesias desde os quinze anos de idade, mas só comecei a coleciona-las vinte e oito anos depois [1989], os originais anteriores a esse período foram doados às pessoas que os inspiraram. Meus passatempos prediletos são ler, escrever, viajar, assistir filmes, acessar a internet, criar sites e tudo o mais que se pode fazer de positivo com um computador.

Em 1982 formei-me em Direito, antes disto estudei alguns semestres de Arquitetura e Administração de Empresas até decidir que curso fazer. Posso garantir que o cálculo foi um dos culpados pela minha decisão pelo Direito, nunca gostei de matemática, embora admire sua perfeição.

Além das mais de seiscentas poesias escrevi m livro autobiográfico, Os Telhados de Ipameri, que conta minhas aventuras e desventuras da infância à maturidade, que pode ser lido no site http://www.lupe.ws/Telhados/

Para saber mais sobre mim e sobre meus sites visite meu portal poético:

http://www.mundim.net/

 

Desarrollado por: Asesorias Web
s
s
s
s
s
s